Menu


Clique aqui para editar.

.


Ponte Nova / MG / BR.

Ponte Nova - MG/BR

Ponte Nova é um município brasileiro do estado de Minas Gerais. Localizado na Zona da Mata Mineira, sua população estimada em julho de 2017 era de 60 361 habitantes.[3]

O município localiza-se na Mesorregião da Zona da Mata mineira. A sede dista por rodovia 170 km da capital Belo Horizonte.

Ponte Nova é cortada por importantes rodovias estaduais, como, a MG-066, MG-262, MG-326, MG-329, e pela BR-120. Possui também o Rodo Anel Rodoviário Rio Casca.

A altitude da cidade é de 431 m. O clima é do tipo tropical de altitude com chuvas durante o verão e temperatura média anual em torno de 19°C, com variações entre 14°C (média das mínimas) e 26°C (média das máximas).

Fontes de renda:  Agropecuária (suinocultura, bovinocultura, avicultura, cana de açúcar, cachaça, goiabada e derivados do leite), celulose, comércio atacado e varejista, dentre outros.

O município integra a bacia do rio Doce, sendo banhado por um de seus principais formadores, o rio Piranga.

Dados do Censo - 2000

População total: 55.503

Urbana: 48.997

Rural: 6.306

Homens: 26.535

Mulheres: 28.768

Densidade demográfica (hab./km²): 117,2

Mortalidade infantil até 1 ano (por mil): 29,2

Expectativa de vida (anos): 69,8

Taxa de fecundidade (filhos por mulher): 1,8

Taxa de alfabetização: 86,5%

Índice de Desenvolvimento Humano (IDH-M): 0,766

IDH-M Renda: 0,690

IDH-M Longevidade: 0,747

IDH-M Educação: 0,862

(Fonte: PNUD/2000)

Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008

Estimativas da população residente no Brasil e unidades da federação com data de referência em 1º de julho de 2017» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. 30 de agosto de 2017. Consultado em 30 de setembro de 2017

Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008

Tenha você também a sua rádio